Como ser uma Parisiense em Qualquer Lugar do Mundo (How to be Parisian Wherever you are) – Anne Berest, Audrey Diwan, Caroline de Maigret e Sophie Mas

Oi! Desculpem pela demora pra liberar a resenha! Tive tanta coisa pra fazer hoje que só agora estou parando um pouco! Bom, eu ando com uma saudade absurda de viajar, e com saudades de Paris, então escolhi um livro no clima: “Como ser uma Parisiense em Qualquer Lugar do Mundo” é o escolhido de hoje! (Antes de continuar o post, um lembrete: o blog tem insta, minha gente! Favor fazer as requisições de seguir para @omundodamarina, não pra minha conta pessoal!).

Capa_Como ser uma parisiense.indd

“O que torna a mulher francesa tão única e irresistível? A pergunta, que já foi feita milhares de vezes, agora é respondida de forma definitiva por quatro parisienses tão autênticas e charmosas quanto diferentes entre si. Em uma abordagem nova e divertida sobre o que é realmente ser uma parisiense hoje em dia como elas se vestem, se divertem e se comportam, a embaixadora da Chanel e musa da Lancôme Caroline de Maigret, a escritora Anne Berest, a produtora Sophie Mas e a jornalista Audrey Diwan são surpreendentemente francas e sem rodeios. Falando sobre filhos, relacionamentos, trabalho, estilo, cultura e muito mais, revelam seus segredos e defeitos, fazem piada dos próprios sentimentos e comportamentos complicados, e até admitem ser esnobes, um pouquinho egocêntricas e imprevisíveis. Mandonas e cheias de opiniões, sim, mas também meigas e românticas. Como ser uma parisiense em qualquer lugar do mundo é um livro divertido e inspirador que desvenda o jeito de ser das francesas, mostrando o que elas pensam sobre estilo, cultura, comportamento e homens. Com dicas nem sempre politicamente corretas, é claro…”

Em “A Parisiense” eu já tinha tido umas dicas de moda, comportamento e um gostinho de como as francesas pensam. Em “Como ser uma Parisiense” esse gostinho foi expandido com dicas super bem humoradas e textos divertidos. O livro é animado e engraçado, e eu me peguei rindo bastante! Claro que tem dicas de moda e de comportamento, mas achei que a maioria do livro explora mais aquele “quê” de personalidade exótico que faz com que as francesas sejam tão admiradas no mundo todo. Foi um conjunto bem legal de ler, e o livro virou uma válvula de escape pros dias em que eu quero rir – especialmente de mim mesma, já que até um pouco disso dá pra explorar na leitura.

Não há que se falar de personagens, então só posso dizer que recomendo a leitura pra quem gosta de Paris, pra quem se inspira nas francesas, pra quem gosta de moda e estilo e, especialmente, pra quem quer aprender a se amar – porque no fim das contas é isso que faz as francesas tão especiais: o amor-próprio e a auto-confiança que elas aprendem desde o berço! Recomendo muito!

Espero que tenham gostado! Bom resto de semana para todos nós e até a próxima!


2 thoughts on “Como ser uma Parisiense em Qualquer Lugar do Mundo (How to be Parisian Wherever you are) – Anne Berest, Audrey Diwan, Caroline de Maigret e Sophie Mas

Tem algo a acrescentar?