O Bicho-da-seda (The Silkworm) – Robert Galbraith

Oi! É dia de série no blog, e escolhi dar continuidade a esta, assim à medida que os livros forem lançados eu posso resenhá-los “em tempo real” (ou o mais próximo disso que eu conseguir). Vamos de “The Silkworm”, que eu li antes mesmo de ser traduzido!

8582761

“O detetive Cormoran Strike está de volta, ao lado de sua fiel assistente Robin Ellacott. Dessa vez, o veterano de guerra terá que solucionar o brutal assassinato de um escritor. Quando o romancista Owen Quine desaparece, sua esposa procura o detetive particular Cormoran Strike. Inicialmente ela pensa apenas que o marido se afastou por alguns dias como fez antes e quer que Strike o encontre e o leve para casa. Mas, à medida que investiga, fica claro para Strike que há mais no sumiço de Quine do que percebe a esposa. O escritor acabara de concluir um livro retratando maldosamente quase todos que conhece. Se o romance fosse publicado, a vida deles estaria arruinada – assim, muita gente pode querer silenciá-lo. E quanto Quine é encontrado brutalmente assassinado em circunstâncias estranhas, torna-se uma corrida contra o tempo entender a motivação de um assassino impiedoso, diferente de qualquer outro que Strike tenha encontrado na vida.”

Eu encomendei este livro na pré-venda, porque queria logo conhecer a continuação das aventuras do detetive que ganhou minha simpatia – e porque não queria demorar tanto pra ler, como aconteceu com “The Cuckoo’s Calling”. Assim que o livro chegou, no entanto, teve que esperar um espacinho, porque eu estava lendo tanta coisa pra faculdade que não estava com tempo pra mais nada, e ele ficou na fila. Assim que pude, no entanto, tratei de devorá-lo, e não me arrependi: a história é ainda melhor que a do primeiro livro!

A narrativa é no melhor estilo J. K., e acho que ela está se aprimorando muito no gênero policial. Além disso o mistério colaborou, porque era muito difícil imaginar de quem era a culpa (tudo bem que o assassino do primeiro livro também me impressionou muito, mas este livro foi bem mais brutal). Achei genial o modo como o crime é cometido, investigado e exposto, e achei que as personagens – todas envolvidas no meio literário – dão um tempero todo especial à investigação. Devidamente recomendada, esta história me tirou o fôlego (e isso anda cada vez mais raro, com a quantidade de livros ruins que eu ando lendo…).

Espero que tenham gostado! Bom resto de semana para todos nós e até a próxima!

Série Cormoran Strike:

1- The Cuckoo’s Calling (O Chamado do Cuco)

2- The Silkworm (O Bicho-da-Seda)


4 thoughts on “O Bicho-da-seda (The Silkworm) – Robert Galbraith

  1. Acho que poderia falar sobre a diferença dos livros, principalmente sobre no primeiro ele investigar um crime do ~passado~ e no segundo ele estar investigando um crime atual.

    • Abraão, eu tento não resumir demais a história porque as sinopses já revelam esses detalhes, e eu prefiro falar das minhas impressões e opiniões sobre os livros. Além disso, não acho que o crime ter sido cometido antes, durante ou depois do início da história contada no livro influencie na investigação, então não costumo fazer esse tipo de comparação.

      Beijos!

Tem algo a acrescentar?