Pirâmide (Pyramid) – Tom Martin

Oi gente! Tudo certo com vocês? E o fim de semana, cheios de planos? Eu vou descansar, fazer trabalhos, namorar e, lóóógico, ler! Tenho que aproveitar o fim de semana senão não consigo ler nada por causa da semana cheia? Hoje eu vim finalmente fazer o resumo de “Pirâmide”, e pra quem me perguntou pelo Skoob e leu o post “Essa Semana… #5” percebeu que eu não gostei muito do livro, então quero adiantar logo uma coisa: as opiniões que eu expresso aqui são totalmente pessoais, e eu não tenho a intenção de detonar os livros, ok? Eu simplesmente expresso minha opinião sobre eles, e minha opinião é sincera e sem parcialidade.

Bom, lembram da promoção do Menina da Bahia que eu ganhei? A promoção era o seguinte: eu ganharia um exemplar de Box 21, que eu resenhei aqui, e um outro lançamento do mês da editora Planeta, que eu mesma escolheria. Sou apaixonada pelo Egito, então esse título me chamou a atenção, foi o escolhido! O livro chegou a alguns dias e eu terminei de ler até bem rápido.

O livro conta a história de Catherine Donovan e James Rutheford, dois estudiosos da universidade de Oxford, que vão investigar a morte do professor Kent, grande amigo de Catherine e que foi achado morto no Peru, onde estava estudando. A polícia diz que é suicídio, mas Catherine não acredita nisso, e junto com James, que ela conhece por uma coincidência, vai até o Peru investigar os misteriosos fatos que cercam a morte do professor, que mandou um bilhete com um código e alguns mapas para ela alguns dias antes de morrer (ela recebe no mesmo dia que recebe a notícia da morte do professor). As investigações dos dois acadêmicos os levam a um mistério que remonta ao Egito, e, como o título mesmo entrega, as pirâmides.

Por que eu não gostei do livro: achei muito forçado. Resumindo seria isso, mas a pressa em escrever, os detalhes muito mal explicados, e alguns segredos que não foram revelados no final também contribuíram para o livro não ser lá essas coisas. Sabe quando passa uma novela toda cheia de mistérios, e no último capítulo o autor quer resolver tudo e não consegue, de tanta coisa pra fechar? Pois foi a mesma sensação que eu tive aqui! Fiquei decepcionada de verdade, até porque achei o “grande segredo” muito sem noção sabe? Tive a impressão que o livro queria ser “O código Da Vinci” de novo (e, como eu já disse aqui, não sou também lá muito fã do Dan Brown…) e não conseguiu, já que é uma trama que, pra mim, não rendeu.

Peço desculpas se ofendo alguém com o que eu escrevi aqui hoje, mas estou sendo sincera. Não é porque eu ganhei o livro ou porque eu estou resenhando ele aqui que vou ser desonesta, ok? Minha indicação sincera é: se tiverem outros livros na pilha, podem passar na frente sem medo. Esse pode esperar! Beijos a todos, bom fim de semana, e até a próxima!


One thought on “Pirâmide (Pyramid) – Tom Martin

  1. Pingback: Essa Semana #6 - O Mundo da Marina

Tem algo a acrescentar?