Sedução Mortal (Seduction in Death) – J. D. Robb

Oi! Mais uma sexta feira, mais um fim de mês, mais uma resenha da Série Mortal. Chegamos ao décimo terceiro livro da série, e, de novo, as resenhas desta série me lembram do poder inexorável do tempo – tendo um blog de resenhas literárias eu penso sobre isso com muita frequência, acho que vou acabar fazendo um post sobre isso… nesse meio tempo, hora de conhecer “Sedução Mortal”.

image003

Pode conter spoilers involuntários dos livros anteriores

“Neste mais recente caso, a tenente Eve Dallas está em busca de um Casanova cruel com um nefasto apetite para seduzir suas vítimas antes de assassiná-las. Dante já cortejava sua presa pela internet havia várias semanas quando foi encontrá-la pessoalmente pela primeira vez. Alguns goles de vinho e algumas horas depois, a sua pobre acompanhante estava morta. A arma do crime: a dose de uma droga rara e indetectável, do tipo “Boa-noite, Cinderela”, com assustador valor de mercado. A tenente Dallas passa e repassa em pensamento todas as pistas que descobriu: luz de velas, música romântica e pétalas de rosas espalhadas sobre os lençóis. Um clima de encantamento montado para agradar o sedutor, e não a vítima. Na verdade, ele não pretendia matá-la. Agora, porém, só lhe restavam duas escolhas: fugir e se esconder ou sair novamente em campo para uma nova caçada.”

Os livros da Série são bem macabros, quando se trata de crimes. A Tenente Dallas trabalha na divisão de homicídios, então sempre temos assassinatos envolvidos, mas além deles outros crimes costumam estar envolvidos; quando são crimes sexuais, pelo menos pra mim, é sempre mais pesado, e este livro, em particular, foi meio assustador, porque a psique do assassino é bem distorcida, e as coisas acontecem de um jeito que dá um tanto de medo. Pra contrastar com essa investigação que foi tão pesada, as relações interpessoais das personagens estão em pleno “modo fofura”! Ninguém novo foi apresentado aqui, mas as personagens que já conhecemos e amamos começam a se acertar e se apaixonar mais, então foi um balanço interessante! Apesar do peso do assunto do livro, eu gostei muito dele! Recomendo bastante!

Espero que tenham gostado! Bom fim de semana para todos nós e até a próxima!


Tem algo a acrescentar?